segunda-feira, 30 de novembro de 2009

8ª NOITE DA VALSA – 16 e 17 de Abril de 2010 - CONSERVATÓRIA - RJ

.

Conservatória é Distrito de Valença, uma Cidade do Sul Fluminense. Nosso Distrito tem como seu ponto máximo, a SERESTA .

Violões e Intérpretes percorrem as ruas do nosso "Pedacinho do Céu" todo final de semana, pontualmente às 23 horas. Turistas de todo Brasil e de vários Países (algumas Agências, incluem nosso Distrito no roteiro de viagens), ficam encantados com a nossa SERESTA, com o acolhimento recebido e com a aura romântica do lugar.

A cada Reunião, a Seresta de Conservatória consegue agregar melodias, sons, que impossível fica conter recordações que afloram, descobertas que se fazem, inclusive, com toques sutis entre casais maduros. Estes, são envolvidos por toda atmosfera sublime do local.

Acontece uma grande magia quando as pessoas por aqui chegam. Há por certo, um corte perceptível do dia a dia de cada um… E dessa forma , principalmente os casais , relembram o encantamento inicial, que o cotidiano talvez os tivessem feito esquecer…

Conservatória como disse, consegue agregar todos os tipos de manifestações culturais, sejam elas Musicais, Artísticas , ou outras quaisquer em que o bom gosto esteja presente!

Neste próximo ano, em 2010 , temos como um Grande Evento, a 8º NOITE DA VALSA DE CONSERVATÓRIA- RJ , nas noites de 16 e 17 de Abril.

Este Evento será dividido em quatro partes, e acontecerá nesses dois dias , entre 20 hs e 22.50 hs.

Haverá inclusive, um incentivo aos alunos das Escolas do Distrito, com o Concurso de Redação sobre o Tema: Valsa.

Então o Evento da 8º Noite da Valsa, se apresenta da seguinte forma:

.

- Parte 1: Concurso de Redação (entrega de Prêmios)

- Parte 2: Música. (trinta e seis Valsas, cantadas e executadas, divididas entre os dois dias de Evento)

- Parte 3: Dança. (nos dois dias, a platéia é a grande convidada)

- Parte 4: Encerramento. (Uma grande Valsa)

Naturalmente a forma expontânea de apresentação musical em Conservatória , fez com que suas noites de lindo luar, em que violão e voz de grandes e abnegados Seresteiros ao invadirem nossas ruas, remetam todos, as doces lembranças, a ternuras esquecidas e a vontade de viver novamente todos os bons momentos da vida!

Dificilmente alguém não tem em sua história de vida, uma VALSA. Não duvidem… Tampouco os jovens!

Vivemos festas de Debutantes, de 15 anos, onde dançávamos tímidos, ansiosos, trêmulos…

Jovens casais, talvez nos primeiros contatos com o romantismo: o olhar da moça um pouco abaixo dos olhos do parceiro, as mãos dadas , e o enlaçar do corpo: com a distância definida pelos Deuses…

Pelos Deuses... Com certeza!

Ah! Era aquela, a distância, que mesmo sem que os corpos não ousassem se tocar, sentia-se a respiração quente e ofegante , um do outro. Inesquecível!

Adolescencia… E houveram valsas!

Nossa! E as formaturas?

Essas, já nos pegaram um pouco mais preparados, sendo que sabíamos bem que poderíamos nos posicionar de maneira tal, que além de nossa respiração ofegante, parceiro e parceira conseguiam desenvolver durante a dança, alguns códigos entre olhares e mãos apertadas. O braço do rapaz, envolvia a moça de forma mais firme, como num dizer: crescemos…

Muitos se casaram, e a Valsa dos Noivos sempre foi marcante. Claro que muitos descasaram depois, porém o som das Valsas, criam um elo entre o que vivemos e o que gostaríamos de ter vivido. Complicado? Não!!!

Isto é a realidade aflorada... É a saudade por vezes, daquilo que não vivemos.

Também, é tão facil lembrar de reuniões em que de tios, amigos ou nossos pais, cantavam as Valsas Brasileiras de Orlando Silva e outros compositores maravilhosos. Sem que percebamos , temos a Valsa, fortemente presente em nossa vida!

Ai,ai,ai! Tá bom! Já sei…

- Você tem 20 anos ?

Então, amigo, escute essa valsa: é sua contemporânea! E há até quem jure que não é Valsa (Comparando-a a Straus !?!?), e diga-nos depois, como valerá à pena vir à CONSERVATÓRIA – RJ, sentir a emoção da


8º NOITE DA VALSA - CONSERVATÓRIA/RJ
16 e 17 de Abril de 2010!

. .


E aos grandes amantes de Valsas Brasileiras, antigas ou atuais, CONSERVATÓRIA os espera para cantar, emocionar, dançar… E voltar sempre!!!

.

.

Abraço Fraterno,

CHRISTINA ANTUNES FREITAS

2 comentários:

vera cristina disse...

sábias foram suas palavras para expressar seu carinho e amor, por quem veio apenas para te dar um recado e fez parte de sua vida por algum tempo, acredito que ficaram os momentos felizes, guardado com orgulho dentro de ti. Imagino que quanto a dor da saudade Deus cura a dor dos que aqui permaneceram, a vida segue seu rumo, como agua nos rios.voce é uma guerreira.

DINELLI - Judô Singer disse...

CRISTINA E GERALDO UM BEIJO DESSE AMIGO QUE GOSTA MUITO DE VOÇES E MUITO OBRIGADO PELA INDICAÇÃO DESTA VALSA COMTEMPORÂNEA " BANDOLINS - OSWALDO MONTENEGRO" QUE IREI INTERPRETAR PARA VOÇES E TODO PÚBLICO PRESENTE,ME COLOCO SEMPRE A DISPOSIÇÃO DE VOÇES NOBRES AMIGOS, BEIJOS !!!