domingo, 1 de novembro de 2009

CAMILA: OUVI A "SUA MÚSICA", MEU AMOR!!!

.

"EU SEI QUE VOU TE AMAR"

(Vinícius de Moraes)

Interpretação:

Iracema Werneck,

acompanhada de Dehon e Geraldo

video

.

SONETO DA FIDELIDADE
Vinicius de Moraes

.

De tudo, ao meu amor serei atento

Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto

Que mesmo em face do maior encanto

Dele se encante mais meu pensamento

.

Quero vivê-lo em cada vão momento

E em seu louvor hei de espalhar meu canto

E rir meu riso e derramar meu pranto

.

Ao seu pesar ou seu contentamento

E assim quando mais tarde me procure

Quem sabe a morte, angústia de quem vive

Quem sabe a solidão, fim de quem ama

.

Eu possa me dizer do amor (que tive):

Que não seja imortal, posto que é chama

Mas que seja infinito enquanto dure!

..

Minha Flor de Maracuja! Todos sabíamos (pelo menos os mais íntimos) que a música "Eu Sei Que Vou Te Amar", era a "sua Música", e junto com ela, o "Poema da Fidelidade" de Vinícius de Morais.

Dias antes de calar-se para nós, voce havia passado umas horas fazendo uma pasta, em que colou este Soneto, como capa da mesma. E disse a mim:

-Mãe, nesta eu vou guardar as coisas de amor de 2006!

Fiquei olhando a tal pasta, e voce riu dizendo:

-Ah, mãe! Entradas de cinemas, Cartões Apaixonados, Guarnadapo de papel com corações...

Então, eu sempre querendo te dar uma prensa, falei logo:

- Ah! No mínimo está querendo colocar aí dentro, sabonete de Motel... Vê se desencanta! Príncipe Encantado hoje em dia, não usa cavalo branco, não rouba mocinha...

Rimos muito, afinal voce dizia sempre que de 2006 não passava...

Então, comentou mais uma vez que já havia aparecido o seu amor! E que este, era seu Príncipe Encantado desprovido de cavalo branco. Mas, que tinha olhar de Príncipe, pose de Príncipe e era lindo como um Príncipe!

- Ah! Já vem voce, bisbilhoteira, mãe! Fica por aqui o que meu Príncipe tem de bom! Que mania! Não confia em meu taco? Meu nome é Camila, não é Bagunça, não!

E saiu rindo de mim, fazendo graça, e eu correndo atrás de voce para fazer cócegas. Ao final, como sempre, caímos numa pseudo briguinha de "lambida no rosto" em minha cama, que claro, eu sempre perdia! Mas ficava ali, exausta, rindo e feliz.

Sempre que relembro esta cena, sinto exatamente seus braços querendo me imobilizar, seus gritos de "socorro, pai!" quando eu por sorte, virava o jogo, e o aroma de seu cabelo molhado. Te sinto tão perto meu amor, tão junto à mim, que fica difícil voltar a realidade!

Infelizmente, não houve o ano de 2006 para voce. Houveram sim, trinta dias em que voce viveu o "coma" e "Morte Cerebral" em um Hospital no mes de Janeiro, vindo fazer sua passagem, no dia 02 de fevereiro de 2006.

Voce Mimi, não teve tempo de usar a sua pasta para guardar as lembranças de amor, mas ela está guardada. Já tive oportunidade de colocar dentro dela uma foto, uma carta e a letra de uma música que um amigo seu enviou-me.

Tenho a impressão que a tal pastinha, vai aos poucos ter uma história dentro dela. Sabemos que o amor que sentia em 2005, transformou-se em "amor fraternal", em amor para orar, para proteger, para intuir ao seu hoje "amigo fraterno" os caminhos a seguir.

Estivemos, eu e seu pai no Happy Hour da Pousada Martinez aqui em Conservatória, onde três artistas da melhor qualidade se apresentam: Dehon ao violão, Geraldo na Flauta e Iracema Werneck cantando. É um programa imperdível, pois Iracema Werneck junto aos maravilhosos músicos, durante duas horas proporciona a todos, música e muita emoção... As interpretações são notáveis, mas como o ambiente não é, propositalmente, de luz intensa, e nossas filmagens são feitas sempre com a máquina fotográfica, o resultado final deste pequeno vídeo, com certeza, não fará justiça aos artistas.

Porém, Minha Flor de Maracujá, eu não podia deixar passar a oportunidade de tentar filmar Iracema cantando "Eu Sei Que Vou Te Amar", e assim, dedicar a voce!

Lembrar com "saudade alegre", sempre que possível, sua presença iluminada em nossas vidas. Reviver sua alegria ao cantar, sem nenhum pudor, em alto e bom som essa linda música de Vinícius, e tantas outras que te marcaram tanto. Ah! A música tema de "Lisbela e o Prisioneiro", também era uma de suas preferidas...

Não te esquecerei nunca, meu amor! Voce é o meu melhor pedaço, é a parte boa de mim... Meus defeitos não te acompanharam nem na genética e tampouco na personalidade e caráter. Somente a parcela boa que Deus reservou para mim, foi toda incorporada a voce. E com voce seguiu!

Não, meu amor! Não fiquei uma pessoa ruim, mas certamente tornei-me uma pessoa que não contorna situações, que tem na relação com a sinceridade, rudeza nas palavras, principalmente quando opino, sem procurar sinônimos para abrandar a aspereza do que é dito!

Fiquei rude Mimi, e sou bem feliz assim...

O encantamento do discurso, a delicadeza para tratar sentimentos, estes, te acompanharam. Foi preciso, que fossem com voce, esta minha parte boa. Afinal, tenho que combater dia após dia, angústia, saudade, solidão, e o sentimento de vingança que muitos procuram esconder, mas que sinceramente tenho que admitir: muitas e muitas vezes passa por minha cabeça.

Quando voce com 11 anos passou a frequentar o Centro Espírita Leon Denis, tenho praticamente certeza que foi uma forma de me conduzir a Doutrina Espírita Cristã. Talvez voce estivesse sendo orientada para poder passar pelo que passou e ao mesmo tempo, recebeu como tarefa, me ensinar a passar pela prova de te perder da forma cruel, malígna e estúpida , como aconteceu. Então, mesmo este sentimento de vingança aflorando vez por outra em mim, tenho consciencia que jamais jogarei fora a oportunidade de te reencontrar...

Então Mimi, oro... Oro muito! Penso que poderei te abraçar, sentir seu perfume natural, que falaremos uma para outra desse nosso amor tão único, tão verdadeiro, tão forte, que na maioria das vezes até causa bastante incômodo aqueles que não conseguem ter comigo, uma sintonia tão fina.

Camila: essa música é para voce, dona que foi de um sentimento tão forte, que a fazia perder o chão! E como você mesmo dizia prá mim:

- Que amor é esse, cara?

Saudades Minha Flor de Maracujá, muitas saudades!

Reapareça sempre que puder! Acarinhe aqueles que sofrem, esteja junto as mães "viúvas de seus filhos", passando bastante energia positiva a todos!

Beijinhos nas bochechas, nos dedinhos e nos olhinhos... Durma em Paz, meu amor!

.

CHRISTINA ANTUNES FREITAS

3 comentários:

Valdelei Duarte 1º Sgt BM CBMERJ. disse...

lindo,fiquei emocionado com tanto amor de vocês. A compreensão espiritual de vocês é linda também.
Desejo que Deus, e esse anjo iluminem os seus caminhos.

Ira disse...

Cristina,

Estou muito emocionada. Obrigada por ter escolhido minha voz para colocar nesta carta. Tomara que ela goste...
Ela deve ter sido uma pessoa linda!
Beijos,
Iracema

Olivia disse...

Cristina,
Sou muito amiga da Iracema e, como você, me emociono muito com seu canto e com sua interpretação.
Sua filhinha, com certeza, gostou muito desta carta e, como é um anjo, deve estar no céu cantando e declamando Vinicius. Quem sabe, ele próprio já não a ouviu ?
Que Deus e ela estejam ao seu lado, acalmando seu coração e iluminando sua vida.
Um abraço,
Olivia Mansur