segunda-feira, 29 de novembro de 2010

CBMERJ - PENSIONISTAS E DEPENDENTES – USO DO SISTEMA DE SAUDE

Amigos:

Recebi   do Cel RR José Carlos Dias ,    este    informe   sobre  Atendimento de Saúde, que repasso com bastante alegria a todas as Pensionistas e Dependentes de Bombeiro Militar Falecido,  do Estado do Rio de Janeiro.

.

PORTARIA CBMERJ N° 620 DE 01 DE OUTUBRO DE 2010

REGULAMENTA O USO DO SISTEMA DE SAÚDE DO CBMERJ

POR PENSIONISTAS E DEPENDENTES DE BOMBEIRO MILITAR FALECIDO.

.

O COMANDANTE-GERAL DO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais, tendo em vista o que preceitua o inciso IV do art. 3o do Decreto no 31.896, de 20 de setembro de 2002, e o que consta do Processo número E-08/842451111/2010

RESOLVE:

Art. 1o -Regulamentar a situação dos pensionistas e dependentes de ex-bombeiros militares, falecidos em serviço ou não, perante o sistema de saúde do CBMERJ, estabelecendo seus direitos e deveres quanto a sua utilização, desde que contribuam mensalmente, em caráter facultativo e a pedido, para o Fundo de Saúde do CBMERJ.

Art. 2o -Serão considerados dependentes doex-bombeiro militar falecido, para os efeitos desta Portaria, os beneficiários elencados na SeçãoI, do Capítulo III, da Lei no 5260/08, que percebam a respectiva remuneração junto aoRIOPREVIDÊNCIA, na condição depensionistas.

§ 1o -Os dependentes que não fazem jus à pensão, porém estiverem comprovadamente caracterizados como beneficiários no dispositivolegal citado no caput, também poderão ser cadastrados no sistema de saúde, desde que um dos pensionistas contribuintes, por solicitação própria, contribua com o acréscimo percentual correspondente àquele dependente.

§ 2o -Ficam incluídos nos efeitos desta Portaria os pensionistas vinculados àUnião, dependentes de ex-bombeiro militar do antigo Distrito Federal.

Art. 3° -O pensionista que optar pela contribuição mensal voluntária terá os mesmos direitos e deveres que o militar teria, se vivo fosse, e estarásujeito às normas e condições de atendimento estabelecidas pelo Comandante-Geral do CBMERJ.

Art. 4° -Em casos de tratamentos que acarretem indenizações previstas nas normas vigentes de atendimento médico-hospitalar da Corporação, o contribuinte só poderá cancelar o desconto após o pagamento de sua cota, parte da indenização referente à despesa, cumulativamente com o desconto voluntário para o Fundo deSaúde do CBMERJ, bem como dos dependentes a ele vinculados.

Art. 5° -O valor da contribuição será de 1% (um por cento) do nível do soldo do ex-bombeiro militar para o pensionista, acrescido de 1% (um por cento) para cada dependente objetivando a manutenção e o pleno funcionamento do sistema de saúde.

Art. 6° -O pensionista especial e o provisório terão o desconto para o Fundo de Saúde, para si e seus dependentes, da mesma forma prescrita no artigo anterior.

Art. 7o -Os filhos serão excluídos do sistema ao completarem vinte e um anos, excetuando-se os inválidos, interditos ou aqueles que, comprovadamente, estejam na condição de estudante universitário, até completarem vinte e quatro anos.

Art. 8o -A perda da condição de usuário do Sistema de Saúde do CBMERJ se dará por ato do Comando-Geral da Corporação nas seguintes condições:

I -por comportamento inadequado e/ou ofensivo a administração e seus agentes ou ato que denigra a Corporação;

II -quando requerido pelo pensionista, desde que não contrarie os artigos restritivos desta Portaria;

III -pelo falecimento do pensionista ou dependente contribuinte;

IV -por interesse da administração.

Art. 9o -O termo de adesão e autorização de desconto em folha para o Fundo de Saúde do CBMERJ se dará conforme Anexo Único da presente Portaria, devendo ser apresentado com a firma do requerente devidamente reconhecida em cartório.

Art. 10 -O cadastro, a execução e o gerenciamento da implantação das contribuições, junto ao RIOPREVIDÊNCIA e ao Ministério da Fazenda, ficará a cargo da Diretoria Geral de Pessoal Inativo e de Pensionistas do CBMERJ.

Art. 11 -A confecção das carteiras de identificação dos pensionistas e dependentes ficará a cargo da Diretoria Geral de Assistência Social do CBMERJ.

Art. 12 -O controle e fiscalização do fluxo financeiro das contribuições e a manutenção do cadastro de contribuintes ativos ficará a cargo da Diretoria Geral deFinanças do CBMERJ.

Art. 13 -O controle do atendimento e das respectivas requisições de reembolso (USM) ficará a cargo da Diretoria Geral de Saúde e da Diretoria Geral de Odontologia,ambas do CBMERJ.

Art. 14 -Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

.

Rio de Janeiro, 01 de outubro de 2010

PEDRO MARCO CRUZ MACHADO

Comandante-Geral do CBMERJ

------------------------------------------------

.

ANEXO ÚNICO DA PORTARIA CBMERJ No 620,

DE 01 DE OUTUBRO DE 2010

TERMO DE ADESÃO AO FUNDO DE SAÚDE/CBMERJ

.

Eu, abaixo qualificado(a), venho requerer a minha inclusão e dos meus dependentes no SISTEMA DE SAÚDE DO CBMERJ, autorizando o desconto referente à parcela do Fundo de Saúde e estando ciente dos direitos e prerrogativas elencados na Portaria no 620, de 01 de outubro de 2010.

NOME COMPLETO: ___________________________________________________

ENDEREÇO: ___________________________________________________

NÚMERO DA IDENTIDADE: _________________________________________________

ÓRGÃO EMISSOR: ___________________________________________________

CPF: ___________________________________________________

MATRÍCULA NO RIOPREVIDÊNCIA: _________________________________________

NOME DO SEGURADO: ___________________________________________________

RG DO SEGURADO: __________________________________________________

NOME COMPLETO DOS DEPENDENTES (SE HOUVER):

___________________________________________________

___________________________________________________

Rio de Janeiro, ___ de _______ de ______.

_________________________________________________

(assinatura do requerente com firma reconhecida)

.

Sinto gratificada  em poder  repassar esta informação, uma vez que ela restaura, finalmente,  direitos – que haviam sido retirados - de pensionistas e dependentes de Bombeiro Militar já falecido -   trazendo  às viuvas e seus dependentes transtornos imensos, certamente com  perda da qualidade de vida, pois o atendimento ficava bastante precário em outra Unidade Hospitalar que não fosse do CBMERJ.

Parabéns ao CBMERJ, na pessoa do Sr. Cmte Geral !

.

Abraço fraterno,

CHRISTINA ANTUNES FREITAS

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

NOSSA SENHORA DA PENHA , ROGAI POR NÓS! (ARTIGO ATUALIZADO)

Amigos:

No dia 03 de Outubro de 2009 escrevi um artigo,  aqui em meu Blog, em que falava sobre a ocupação da Igreja da Penha por marginais, que faziam daquele templo, seu mirante...

Hoje, este artigo escrito à mais de um ano está completamente atual, e por causa disso  o transcrevo neste momento, com duas pequenas inserções..
.
IGREJA DE NOSSA SENHORA DA PENHA RIO DE JANEIRO - RJ
(Criminosos usam-na como Mirante)
.
..


.
“NOSSA SENHORA”
Roberto Carlos e Erasmo Carlos


Cubra-me com seu manto de amor
Guarda-me na paz desse olhar
Cura-me as feridas, e a dor, me faz suportar…
Que as pedras do meu caminho
Meus pés suportem pisar
Mesmo ferido de espinhos, me ajude a passar
Se ficaram mágoas em mim
Mãe, tira do meu coração
E aqueles que eu fiz sofrer, peço perdão!
Se eu curvar meu corpo na dor
Me alivia o peso da cruz
Interceda por mim, minha mãe, junto a Jesus!

Nossa Senhora me de a mão
Cuida do meu coração
Da minha vida, do meu destino
Nossa Senhora me dê a mão
Cuida do meu coração
Da minha vida, do meu destino,
Do meu caminho,
Cuida de mim…

Sempre que o meu pranto rolar
Ponha sobre mim suas mãos
Aumenta minha fé e acalma, o meu coração
Grande é a procissão a pedir
A misericórdia o perdão
A cura do corpo e pra alma, a salvação!

Pobres pecadores, oh mãe!
Tão necessitados de vós
Santa Mãe de Deus, tem piedade de nós…
De joelhos aos vossos pés
Estendei a nós vossas mãos
Rogai por todos nós vossos filhos, meus irmãos!

Nossa Senhora, me de a mão
Cuida do meu coração
Da minha vida, do Meu destino
Do meu caminho
Cuida de mim…

.
Que todos nós, Cidadãos Fluminenses, população pacífica deste Estado, juntamente com os Profissionais de Segurança Publica como , Policiais Militares, Policiais Civis , Bombeiros Militares, Policiais Federais, *Forças Militares Federais,  e principalmente dois grupos bem distintos: aqueles que detém o Poder de Mando na Segurança Pública de nosso Estado, e de outro lado, aqueles que desafiam a Lei dos Homens e a Lei de Deus: possamos ser agraciados com o olhar piedoso de N.S. da Penha.
.
Que os que foram procurar este lugar de MILAGRES E FÉ, que é a Igreja da Penha, com o intuito de atacar nossos Irmãos Policiais, possam ser envolvidos pela Luz advinda do contato com o ambiente de paz e bondade , para que seus instintos tão “bárbaros” , talvez fruto de vidas passadas, sejam aplacados sob a força do amor incondicional de N.S. da Penha e toda sua falange de Espíritos de Luz!
.
E que o envoltório de pureza e bondade da Mãe de Jesus, que ali sob aquela rocha, eleva e conduz o nome de Nossa Senhora da Penha, possa recompor atitudes, vidas - e porque não? - vibrar intensamente por todos nós , partícipes desta cruel realidade em que se encontra o Estado do Rio de Janeiro.
Nada acontece por acaso…
.
.
NOSSA SENHORA, MÃE DE JESUS…
.
OLHAI POR TODOS NÓS!
.
PROTEGEI , MINHA DOCE MÃE, E
.
AJUDAI  NA PERCEPÇÃO, DE
.
TODOS OS POLICIAIS
.
QUE PRECISAM ESTAR EM COMBATE!
..
*INCLUSIVE, MINHA DOCE MÃE, AQUELES
.
QUE NÃO ESTÃO NO ENTORNO DA IGREJA,
.
MAS QUE ESTÃO COMBATENDO NESTE MOMENTO,
.
BRAVAMENTE, 
.
EM TODOS OS PONTOS DE NOSSO ESTADO!
.
.
*ESTES TRECHOS FORAM ATUALIZADOS, UMA VEZ QUE O COMBATE AOS NARCOTRAFICANTES SE FAZ DE FORMA ABRANGENTE!

.

Abraço fraterno,
CHRISTINA ANTUNES FREITAS

sábado, 13 de novembro de 2010

QUERO MINHA VIDA DE VOLTA!


São momentos de uma solidão tão aguda, que realmente não sei mais descrever como realmente eles se impõe... Qualquer tentativa de colocar no papel ou falar sobre eles, é muito pobre, diante do infinito vazio que tenho sido envolvida. Falta-me esperança, falta-me alegria, falta-me compartilhamento de desejos, enfim, falta-me vida “vivida de verdade”.
Descobri, à tempos, que sou uma grande enganadora. Praticamente uma estelionataria de sentimentos e dos momentos de imaginária alegria.    Brinco, sorrio, conto piadas, faço graça, mas sou uma grande farsante. Irremediavelmente solitária,  é o que sou.
Um indivíduo em solidão, nunca seria esta pessoa que inventei e mostro aos outros.  Uma “mulher só”, este é meu arquétipo  quando não existe platéia. Com a cortina fechada, não consigo encontrar  nada de mim.
Fatalmente,  acontecem dias em que acabo me sentindo um grande lixo.   A salvação é que sou tão grande, que seria impossível jogar-me na caçamba do caminhão da limpeza urbana. Sorte de quem faz reciclagem, pois sofreriam um grande susto,  ou mesmo,  desapontamento  ao encontrar-me em um lixão: não haveria o que reciclar.   Tá bom... Talvez gordura: dizem que fazem sabão com ela. Pode ser!
É  desconfortável o sentimento, que não há nada que possa de alguma forma te alavancar, te catapultar,  para um ponto onde esteja escrito: esperança...
É interessante  quando o meu médico tenta ministrar algum medicamento para a dita Depressão, que  virou moda ser diagnosticada em todo mundo. Grande parte das pessoas estão levando um carimbo de “DEPRESSÃO”, na testa.   Diante da minha recusa em fazer uso de remédios, sou logo rebatida com:
- Minha filha, existe momentos em que precisamos descansar algumas partes do cérebro...
Já fiz cara de paisagem, já fiquei sem contestar a afirmação, já tentei tomar o remédio,  mas já falei, também:
- Então Doutor,  não adianta. Meu cérebro anda em constante descanso.   Bem, para falar a verdade, anda meio morto!
Não!   Não quero a alegria forjada dos remédios, a esperança medicamentosa... Não quero este “enredo” da Depressão, que tentam me enfiar goela abaixo.
Sabe o que quero?   A minha vida de volta!  Levaram embora.   Fui roubada!
Tá certo! Podem me devolver  aquela vida que eu tinha! Aquela mesmo –  vidinha medíocre… Vida de quem era enganada, que via tudo passar à frente, sem poder interagir com nada que  desse prazer, que não fosse o ato de  maternar.    MATERNAR, FOI  O  QUE ME SALVOU!
Vida, em que não havia o menor peso o que eu dizia…  Mas isso não me importava. Sabe por que? Eu tinha para quem dizer alguma coisa, mesmo que isso não mudasse nada...
Ser enganada por qualquer pessoa,  era uma coisa que doía.  Hoje, descobri que caso aconteça, não dói mais.   Tornei-me,  “CHRISTINA, A PATÉTICA”!
Escrever é o que ainda me dá algum prazer, pois acaba sendo uma catarse. Como não tenho nenhum trato com a Literatura:  escrevo o que quero,  sem me importar muito com a forma ou   conteúdo.
Escrever vai me colocando um tanto mais centrada, como neste momento.   Já não choro!   Ah, é um ganho!
Vou deixar aqui a poesia de uma música, que amo perdidamente!  Normalmente esta  canção me remete a saudade…  Porém saudade com esperança!
.
TERNURA ANTIGA
Dolores Duran e Ribamar
.
Ai, a rua escura, o vento frio
Essa saudade, esse vazio
Essa vontade de chorar.
Ai, tua distância tão amiga
Essa ternura tão antiga
E o desencanto de esperar.
Sim, eu não te amo porque quero.
Ah, se eu pudesse esqueceria.
Vivo, e vivo só porque te espero.
Ai, esta amargura, esta agonia...
.
Aff! Agora só me resta o Lexotan!
.
Abraço fraterno,
CHRISTINA ANTUNES FREITAS

terça-feira, 9 de novembro de 2010

CONSERVATÓRIA - SARAU PARTICULAR - DALVA, HERIVELTO e PERY

Amigos:

Aqui em Conservatória temos Eventos Musicais magníficos.  Em cada esquina deste Distrito nos finais de semana,  há música para todo gosto, tendo como atrativo principal  a nossa já tão conhecida "Serenata".

Mas para nós que vivemos aqui, ou alguns, com residencias para passar o final de semana, é vital que nos encontremos para cantar com alegria, sem grande comprometimento com arranjos musicais. Afinal, muitos de nós trabalhamos para que os grandes Eventos aconteçam... Então, precisamos também descontrair...

Existe um casal,  que recebe amigos desde 2008 em sua casa, onde são realizados Saraus Temáticos, particulares.  Cada Sarau contempla  nomes da Música Brasileira,  e já tivemos inclusive, um Sarau de Música Americana!  
Estes encontros  são uma maneira de ouvirmos a história dos homenageados, e cantarmos suas canções. Já foram realizados 23 Saraus, e este ano o fechamento,  em Dezembro,  será em comemoração ao Centenário de Noel Rosa!

Neste último Sarau (no final de semana anterior),  os homenageados foram  DALVA DE OLIVEIRA, HERIVELTO MARTINS e PERY RIBEIRO.  Foi muito bom... 

Mas     , como ainda não    consegui comprar uma filmadora, e continuamos captando as    imagens com     a    nossa máquina fotográfica ,  infelizmente a maioria dos registros não ficaram bons. 
Então, escolhi cinco pequenos vídeos: NORIMAR (grande cantora), CARLOS ALBERTO VIEIRA-CARLINHOS (nosso Rei, sempre carismático), e naturalmente AS DESVAIRADAS, que contou com um número bem pequeno de participantes, desta vez.  Tivemos chuva pesada neste dia, e AS DESVAIRADAS, nunquinha comprometem suas Escovas Progressivas, KKKKK!

video


"NORIMAR" canta "ERREI SIM" de Ataulfo Alves 

.
.
. video

"CARLOS ALBERTO VIEIRA-CARLINHOS", canta "CARLOS GARDEL"
de Herivelto Martins e David Nasser

                 .              
.
video

"AS DESVAIRADAS" cantam "PIERROT APAIXONADO" de Noel Rosa e Heitor dos Prazeres

.

video

"AS DESVAIRADAS" cantam "MARIA ESCANDALOSA" de Klécius Caldas

.

video

"AS DESVAIRADAS", cantam "SÁ MARINA" de Antônio Adolfo e Tibério Gaspar


Então deixo para voces, nosso descompromisso com os ensaios, ou com a extrema qualidade técnica. Gostamos de brincar e somos felizes desta maneira! Aff!
Naturalmente a grande NORIMAR não brincou, pois sua interpretação e voz, são incomparáveis, e CARLINHOS mesmo sem ensaio, é sempre um Show!


Temos que agradecer a Mauro, Amaury, Chiquinho, Tony, Edmar e Cláudio , que generosamente fizeram o acompanhamento musical de  todos que cantaram.  Imaginem o sacrifício destes músicos:  acompanharam AS DESVAIRADAS,  grupo vocal que tem  "compromisso com a desafinação e por objetivo maior: irritar o anfitrião" !  


Abraço fraterno,
CHRISTINA ANTUNES FREITAS

sábado, 6 de novembro de 2010

“SAUDADE É O AMOR QUE FICA”

Amigos:

Recebi de Roberto Esteves, um fraterno amigo que conheci via net, o artigo abaixo, que ao ler fiquei muito emocionada.

Gostaria de repassar à todos, até porque sempre haverá  alguma “saudade”  em nossas vidas…

Ao Roberto Esteves, meu abraço!

.

DEFINIÇÃO DE SAUDADE

artigo do Dr. Rogério Brandão, Médico oncologista

.

Como médico cancerologista, já calejado com longos 29 anos  de  atuação profissional (...) .
Posso afirmar que cresci e modifiquei-me com os dramas  vivenciados pelos meus pacientes.
Não conhecemos nossa verdadeira dimensão  até que, pegos pelas adversidades da vida ..., descobrimos que somos capazes de ir muito  mais além.

Recordo-me com  emoção  do  Hospital  do  Câncer  de  Pernambuco,  onde dei meus primeiros passos como profissional.......
Comecei a freqüentar  a enfermaria infantil e apaixonei-me pela oncopediatria.

Vivenciei os dramas  dos meus pacientes, crianças vítimas inocentes do câncer.

Com o nascimento  da minha primeira filha, comecei a me acovardar ao ver o sofrimento das  crianças.

Até o dia em que um anjo passou por mim!

Meu anjo veio na forma de  uma criança com  apenas 11 anos, calejada por dois longos  anos  de  tratamentos diversos, manipulações, injeções e todos os desconfortos trazidos pelos  programas de químicos e radioterapias.
Mas  nunca  vi  o  pequeno anjo fraquejar.
Vi-a chorar muitas vezes;
Também vi medo em  seus  olhinhos; porém, isso é humano!

Um dia, cheguei ao hospital cedinho e encontrei  meu  anjo  sozinho  no quarto.   Perguntei pela sua mãe.
A resposta que recebi  , ainda hoje  , não consigo  contar sem
vivenciar profunda emoção.

- Tio, - disse-me ela…

- Às vezes minha mãe sai do  quarto  para  chorar escondido nos corredores... Posso ouvir daqui!   Quando eu morrer,
acho que ela  vai  ficar com muita saudade.   Mas, eu não tenho medo de morrer, tio.   Eu não nasci para  esta vida!

Indaguei:

-  E  o  que  morte    representa    para    você,    minha    querida?

- Olha tio…,  quando a gente é pequena, às vezes, vamos dormir na cama do  nosso pai e, no outro dia, acordamos em nossa própria cama, não é?

(Lembrei  das minhas filhas, que na época eram crianças de 6 e 2 anos,  e com elas, eu procedia  exatamente assim.)

- É isso mesmo.

- Um dia eu vou dormir e o meu Pai vem me buscar. Vou acordar na casa Dele,  na minha vida verdadeira!

Fiquei "entupigaitado" , não sabia o que dizer.

Fiquei chocado com a   maturidade  com que o   sofrimento acelerou a visão e a espiritualidade daquela criança.

- E minha mãe vai ficar com saudades - emendou ela.

Emocionado,  contendo  uma  lágrima    e    um    soluço,    perguntei:

-  E  o  que  saudade   significa    para    você,    minha    querida?


-Saudade é o amor que fica!

 

Hoje, aos 53 anos , desafio qualquer um a dar uma definição
melhor,   mais direta e simples para a  palavra  saudade: 

É  o  amor que  fica!

Meu anjinho já se foi, há longos anos.
Mas, deixou-me uma grande  lição que ajudou a melhorar  a  minha  vida,  a  tentar  ser  mais  humano  e carinhoso com meus doentes,  e acima de tudo a  repensar meus valores.

Quando a noite chega,  se o céu está limpo e vejo uma estrela,
chamo pelo "meu anjo", que brilha e resplandece no céu.
Imagino ser ela uma fulgurante estrela em sua nova e eterna casa.

Obrigado  anjinho........
Pela vida bonita que teve;
Pelas lições que me ensinaste;
Pela  ajuda que me deste.

Que bom que existe saudade!

O amor que ficou é eterno.

ATITUDE É TUDO!!!

Seja   sempre   mais   humano    e    agradável    com      as        pessoas.

Cada uma das pessoas com quem você convive está travando algum tipo  de batalha.

-Viva com simplicidade.
-Ame generosamente.
-Cuide-se intensamente.
-Fale com gentileza.
- E, principalmente...
NÃO RECLAME!

VAMOS TENTAR TRAZER ESSE ENSINAMENTO
PARA O NOSSO DIA A DIA
.

---------------------------------------------------------------

Quando choro com saudades de Camila, e sei que isso acontece certamente com as mães de tantos anjos , como por exemplo, Marcelo Eustáquio e Bruno Lattanzi, filhos  de minhas amigas Maria Auxiliadora e Regina, posso definir bem, depois desse artigo,   que nosso choro de saudades,  é exatamente isso: O AMOR QUE FICA!

.

Abraço fraterno,

CHRISTINA ANTUNES FREITAS